(21) 96755-2523

SuperVia pede recuperação judicial


Publicado em 08/06/2021

A SuperVia entrou com um pedido de recuperação judicial, no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ), nesta segunda-feira. As dívidas da empresa somam aproximadamente R$ 1,2 bilhão, segundo a empresa, grande parte dela acumulada para pagar o custo da operação deficitária durante a pandemia da Covid-19.


O pedido tem como objetivo preservar a prestação do serviço aos milhares de passageiros de trens e iniciar um novo ciclo de negociação junto aos credores e ao Governo do Estado do Rio de Janeiro para superar a atual crise financeira pela qual está passando.


Antes da pandemia, a SuperVia transportava 600 mil passageiros por dia e atualmente, o fluxo diário se estabilizou em 300 mil passageiros por dia. Com o agravamento da pandemia e da crise econômica e social do Rio de Janeiro, a recuperação total do fluxo de passageiros está prevista apenas para 2023.



A SuperVia opera o serviço de trens urbanos no Rio de Janeiro e em mais onze municípios da Região Metropolitana, que incluem Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Nilópolis, Mesquita, Queimados, São João de Meriti, Belford Roxo, Japeri, Magé, Paracambi e Guapimirim, através de uma malha ferroviária de 270 quilômetros, dividida em cinco ramais, três extensões e 104 estações.